LIGUE-SE A NÓS

O QUE PROCURA ?

INTERNACIONAL

GUERRA: PAPA DIZ QUE A PAZ ‘NÃO SE ALCANÇA CONQUISTANDO ALGUÉM’

O Papa, que viaja para o Barém na quinta-feira, afirmou esta terça-feira em Roma que nunca se pode alcançar a paz pela violência ou derrota, apelando de novo ao fim do conflito na Ucrânia.

blank

O Papa, que viaja para o Barém na quinta-feira, afirmou esta terça-feira em Roma que nunca se pode alcançar a paz pela violência ou derrota, apelando de novo ao fim do conflito na Ucrânia.

“Fazem-nos acreditar que a paz vem com força e poder: para Jesus é o contrário (…) A paz não se alcança conquistando ou derrotando alguém, nunca é violenta, nunca é armada”, disse Francisco na sua mensagem da oração do Angelus, a partir da Praça de São Pedro.

Todos queremos paz, mas muitas vezes o que queremos é estar em paz, ficar sozinho, não ter problemas, mas ter calma”, mas “Jesus, por outro lado, não chama bem-aventurados os que estão em paz, mas aos que fazem a paz, aos construtores, aos que trabalham pela paz”, explicou, citado pelas agências de notícias internacionais.

O Papa acrescentou que “a paz deve ser construída e, como qualquer construção, exige empenho, colaboração, paciência”.

“Como tornar-se num construtor da paz”, perguntou o Papa, respondendo de seguida que, para tal, “é necessário desarmar o coração” dos “pensamentos e palavras agressivos” e “defendermo-nos com o arame farpado e com os muros da indiferença”.

“A semente da paz exige que o campo do coração seja desmilitarizado”, disse Francisco, que afirmou que “aqueles que trabalham pela paz serão chamados filhos de Deus” e que “no mundo parecem deslocados, porque não cedem à lógica do poder e do domínio, no Céu serão os mais próximos de Deus, os mais semelhantes a Ele”.

No final da mensagem, o chefe máximo da Igreja Católica voltou a apelar a que não se esqueça “a Ucrânia martirizada” e que se reze para que a paz chegue a este país.

O Papa disse que viaja na quinta-feira para o Barém, entre a Arábia Saudita e o Irão, “para apoiar a fraternidade e a paz no mundo em nome de Deus”, duas condições das quais tem “necessidade urgente”.

Francisco vai participar no Fórum de Diálogo entre Oriente e Ocidente, em que vai estar em evidência a necessidade de “ocidente e oriente se encontrarem para o bem de todos”.

O programa da viagem engloba também um encontro com vários líderes religiosos e realiza uma oração pela paz na Catedral Nossa Senhora da Arábia, em Awali.

Quer comentar ?

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

INTERNACIONAL

O Presidente russo, Vladimir Putin, afirmou hoje que o seu país vai continuar a atacar infraestruturas de energia ucranianas, cujos ataques já obrigaram Kiev...

ECONOMIA & FINANÇAS

Os preços médios dos combustíveis regressaram esta semana a valores abaixo dos praticados antes da guerra na Ucrânia, em 24 de fevereiro, com as...

INTERNACIONAL

O Kremlin negou hoje que a Rússia e os Estados Unidos estejam em contacto para promover negociações de paz com Kiev, após fonte militar...

INTERNACIONAL

A página de internet do Parlamento Europeu foi hoje alvo de um ciberataque, no dia em que a instituição aprovou uma resolução em que...

RÁDIO REGIONAL

blank


DESPORTO DIRETO


LINHA CANCRO

RÁDIO REGIONAL


EMISSÃO NACIONAL



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER




EMISSÃO REGIONAL



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER




WEBRÁDIOS TEMÁTICAS



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER