LIGUE-SE A NÓS

O QUE PROCURA ?

DESPORTO

SPORTING EMPATA COM FAMALICÃO E PERDE PONTOS PELO SEGUNDO JOGO CONSECUTIVO (VÍDEO)

O Sporting voltou a ceder terreno na I Liga portuguesa de futebol pelo segundo jogo consecutivo, ao empatar hoje 1-1 na receção ao Famalicão, em encontro da 26.ª jornada da prova.

blank

O Sporting voltou a ceder terreno na I Liga portuguesa de futebol pelo segundo jogo consecutivo, ao empatar hoje 1-1 na receção ao Famalicão, em encontro da 26.ª jornada da prova.

Os ‘leões’ ainda estiveram em vantagem, quando Pedro Gonçalves, que igualou o suíço Seferovic, do Benfica, na liderança dos melhores marcadores, com 16 golos, inaugurou o marcador, aos 25 minutos, mas os famalicenses reagiram de imediato e igualaram volvidos dois minutos, por intermédio de Anderson.

Apesar de nova igualdade, a equipa ‘leonina’ conserva o primeiro lugar, agora com 66 pontos, mais seis do que o FC Porto, segundo classificado, e nove do que o Benfica, terceiro, enquanto a equipa de Famalicão ganhou mais um ponto na fuga à zona de despromoção, sendo agora 13.º, com 27.

SPORTING EMPATA COM FAMALICÃO E PERDE PONTOS PELO SEGUNDO JOGO CONSECUTIVO (VÍDEO)

Um empate a um golo diante do Famalicão custou hoje dois pontos ao Sporting na luta pelo título da I Liga de futebol, em jogo da 26.ª jornada, que assim permitiu nova aproximação de FC Porto e Benfica.

Depois da ‘escorregadela’ em Moreira de Cónegos na ronda anterior, o líder do campeonato consentiu a segunda igualdade consecutiva, num jogo em que fez mais por ganhar, mas no qual nunca esteve totalmente confortável. E a ‘culpa’ deveu-se ao mérito do Famalicão, que teve sempre uma postura desinibida e intensa, confirmando a sua retoma desde a chegada do técnico Ivo Vieira, ainda sem derrotas em quatro partidas.

Uma entrada afirmativa demonstrou a vontade dos ‘leões’ de regressarem rapidamente aos triunfos. Tentando impor a sua identidade de jogo, a equipa de Rúben Amorim sentiu, porém, algumas dificuldades para encontrar espaços na defesa famalicense, com Tiago Tomás a ser a exceção no ataque ‘leonino’.

Perante a bem organizada equipa do Famalicão, o Sporting teve de recorrer à arma da eficácia e não perdoou no primeiro erro do adversário. Aos 25 minutos, Pedro Gonçalves assinou o 1-0 com um remate colocado para uma baliza deserta, depois de ‘roubar’ a bola a um adversário e contar com a assistência de Paulinho, naquele que foi o seu 16.º golo na prova, igualando o benfiquista Seferovic no topo da lista dos melhores marcadores.

O golo na primeira grande oportunidade parecia ser o melhor cenário possível para os ‘leões’, mas não tardaram a sofrer na pele o mesmo golpe. Apenas dois minutos depois, Anderson fez o 1-1, após assistência de Ivan Jaime, na sequência de uma boa arrancada de Vinagre, alcançando dessa forma a marca de quatro jogos consecutivos a faturar.

De volta à igualdade, o Sporting acusou o golo sofrido e só voltou a ameaçar a baliza de Luiz Júnior na primeira parte num remate de longe de Porro.

O empate ao intervalo era o sinónimo das dificuldades sentidas pelo conjunto comandado por Rúben Amorim para dominar um Famalicão atrevido e aguerrido, numa primeira parte intensa e bem disputada em Alvalade.

O treinador do Sporting reconheceu que era preciso mudar algo na equipa e lançou Daniel Bragança e Matheus Reis para a segunda parte, na expectativa de dar mais qualidade com bola. Foi então que se acentuou a pressão ‘leonina’ e Tiago Tomás e Neto ficaram ambos perto de voltar a dar vantagem ao líder.

Do outro lado, apesar de pressionado, o Famalicão não se resignou e começou a explorar continuamente bolas rápidas para as costas da defensiva ‘leonina’ e por pouco não voltou a surpreender Adán, que se aplicou para evitar o pior, aos 63. Sem encontrar o caminho da baliza com o controlo da bola, Rúben Amorim apostou no repentismo de Jovane, que teria nos ‘descontos’ a chance de dar a vitória, mas atirou desacertadamente pela linha de fundo.

Só nos minutos finais é que a equipa de Ivo Vieira já não encontrou argumentos para conseguir sair em contra-ataque e fechou-se na salvaguarda de um importante ponto na luta pela permanência. O Sporting tentava de todas as formas chegar ao golo, já então com o central Coates como referência ofensiva e uma derradeira aposta em Nuno Santos, mas o empate perdurou até ao apito final, para frustração dos ‘leões’ – visível na reação de Rúben Amorim, que seria expulso já após o jogo.

O empate reduz o conforto pontual do Sporting no topo da classificação, que soma agora 66 pontos, mais seis do que o campeão FC Porto e mais nove em relação ao Benfica. Já o Famalicão sobe ao 13.º posto, registando agora 27 pontos.

Quer comentar ?

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

DESPORTO

No Estádio Municipal Dr. Magalhães Pessoa, em Leiria, os golos do canadiano Stephen Eustáquio (10 minutos) e do espanhol Iván Marcano (86) sentenciaram a...

DESPORTO

O FC Porto conquistou hoje pela primeira vez a Taça da Liga de futebol, depois de bater o Sporting por 2-0 na final da...

DESPORTO

O Benfica venceu hoje na vista ao Paços de Ferreira por 2-0, em jogo antecipado da 20.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol,...

DESPORTO

O árbitro João Pinheiro vai dirigir pela sétima vez um jogo entre Sporting e FC Porto, no sábado, na final da Taça da Liga,...

RÁDIO REGIONAL

blank


DESPORTO DIRETO


LINHA CANCRO

RÁDIO REGIONAL


EMISSÃO NACIONAL



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER




EMISSÃO REGIONAL



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER




WEBRÁDIOS TEMÁTICAS



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER