Ligue-se a nós

REGIÕES

SANTA MARIA DA FEIRA: 59 CONDENADOS EM MEGAFRAUDE NA CORTIÇA

O Tribunal de Santa Maria da Feira condenou esta terça-feira 59 pessoas a penas de prisão, 11 das quais efetivas, e puniu 25 empresas com penas de multa, num mega processo de fraude fiscal no setor da cortiça.

Online há

em

O Tribunal de Santa Maria da Feira condenou esta terça-feira 59 pessoas a penas de prisão, 11 das quais efetivas, e puniu 25 empresas com penas de multa, num mega processo de fraude fiscal no setor da cortiça.

No total, estavam pronunciados 124 arguidos, incluindo 34 sociedades, por crimes de fraude fiscal qualificada, tendo sido condenados 84 arguidos e 40 foram absolvidos.

Durante a leitura do acórdão, a juíza presidente explicou que vários arguidos foram absolvidos de todos ou alguns crimes por falta de prova ou viram a sua conduta descriminalizada pelo facto de o prejuízo causado ser inferior a 15 mil euros.

Havia ainda um arguido que estava acusado de um crime de falsidade informática, que foi absolvido por falta de prova.

O coletivo de juízes puniu nove homens e duas mulheres com penas de prisão efetivas que variam entre os cinco anos e sete meses e os 12 anos e 10 meses de prisão.

A juíza presidente sublinhou que os dois arguidos condenados com as penas mais gravosas (12 anos e 10 meses e 12 anos e sete meses) foram responsáveis por um prejuízo ao Estado de quase 10 milhões de euros.

Foram ainda condenados 48 arguidos com penas suspensas, entre um ano e um mês e os cinco anos de prisão. Neste caso, os arguidos terão de pagar o valor do prejuízo causado ao Estado, no período de suspensão da pena, que o tribunal fixou em três e cinco anos.

O coletivo de juízes puniu ainda 25 empresas com penas de multa que variam entre os 1.300 e os 25.950 euros.

O processo começou a ser julgado a 20 de setembro de 2021, no Europarque, em Santa Maria da Feira, no distrito de Aveiro, devido ao elevado número de sujeitos processuais envolvidos nos autos.

O caso está relacionado com um esquema de faturas falsas que terá funcionado entre 2010 e 2016, com o objetivo de obter vantagens fiscais indevidas em sede de IVA e IRC, anulando ou reduzindo o valor do imposto a entregar ao Estado.

Entre os arguidos estavam vários empresários do setor corticeiro que alegadamente compravam as faturas fictícias, a troco de recompensas pecuniárias, e diversos indivíduos acusados de terem vendido as faturas emitidas em nome de firmas de fachada e sem atividade real.

Além das penas de prisão, o Ministério Público requereu que fosse declarada perdida a favor do Estado a quantia de 25,7 milhões de euros que correspondia à vantagem patrimonial alegadamente obtida pelos arguidos com a prática do crime.

Inicialmente, foram acusados 169 arguidos, mas seis deles não foram pronunciados por alguns ou pela totalidade dos crimes de que estavam acusados, tendo ainda sido determinada a suspensão total ou parcial dos autos com instauração de processos autónomos, relativamente a vários arguidos.

Durante o julgamento, houve também alguns arguidos que morreram, tendo sido ainda declarado extinto o procedimento criminal relativo a várias sociedades dissolvidas e liquidadas.

Publicidade

HELPO, EU CONSIGNO EU CONSIGO, IRS 2024
ASSOCIAÇÃO SALVADOR, HÁ 20 ANOS A TIRAR SONHOS DO PAPEL

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

REGIÕES

SETÚBAL: JUDICIÁRIA APREENDE 800 KG DE COCAÍNA “PURA” EM CAIXAS DE BANANAS

A Polícia Judiciária (PJ) apreendeu na sexta-feira cerca de 800 quilos de cocaína de elevado grau de pureza que estavam dissimulados em caixas de bananas num navio proveniente da Colômbia, revelou hoje aquela força de segurança.

Online há

em

A Polícia Judiciária (PJ) apreendeu na sexta-feira cerca de 800 quilos de cocaína de elevado grau de pureza que estavam dissimulados em caixas de bananas num navio proveniente da Colômbia, revelou hoje aquela força de segurança.

Em comunicado, a PJ indicou que a apreensão foi efetuada através da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes, que desenvolveu na sexta-feira uma ação de prevenção criminal no Porto de Setúbal.

“A cocaína vinha dissimulada em caixas de bananas, acondicionadas em paletes num dos porões do referido navio”, adiantou a polícia.

Na sequência desta apreensão, foi aberto um inquérito-crime para investigação.

Segundo o comunicado, esta ação foi desenvolvida “em estreita cooperação com as autoridades colombianas”.

LER MAIS

REGIÕES

BRAGA: ATROPELAMENTO MORTAL DE JOVEM EM SOBREPOSTA SOB INVESTIGAÇÃO – GNR

Um jovem de 18 anos morreu atropelado na madrugada de hoje, na área do parque industrial de Sobreposta, em Braga, “em circunstâncias que ainda estão a ser investigadas”, disse à Lusa fonte da GNR.

Online há

em

Um jovem de 18 anos morreu atropelado na madrugada de hoje, na área do parque industrial de Sobreposta, em Braga, “em circunstâncias que ainda estão a ser investigadas”, disse à Lusa fonte da GNR.

“Confirmamos a morte de um jovem, vítima de atropelamento na zona do parque industrial, pelas 00:30, mas como foi, em que circunstâncias foi, ainda se está a investigar”, indicou a fonte.

O Jornal de Notícias refere, na sua página na internet, que o jovem foi atropelado quando assistia a uma corrida ilegal de carros e que foi abalroado por uma das viaturas, tendo morte imediata.

Fonte da Proteção Civil confirmou à Lusa que o óbito foi declarado no local.

LER MAIS
Subscrever Canal WhatsApp
RÁDIO ONLINE
ASSOCIAÇÃO SALVADOR, HÁ 20 ANOS A TIRAR SONHOS DO PAPEL
LINHA CANCRO

DESPORTO DIRETO

RÁDIO REGIONAL NACIONAL: SD | HD



RÁDIO REGIONAL VILA REAL


RÁDIO REGIONAL CHAVES


RÁDIO REGIONAL BRAGANÇA


RÁDIO REGIONAL MIRANDELA


MUSICBOX

WEBRADIO 100% PORTUGAL


WEBRADIO 100% POPULAR


WEBRADIO 100% LOVE SONGS


WEBRADIO 100% BRASIL


WEBRADIO 100% OLDIES


WEBRADIO 100% ROCK


WEBRADIO 100% DANCE


WEBRADIO 100% INSPIRATION

KEYWORDS

ASSOCIAÇÃO SALVADOR, HÁ 20 ANOS A TIRAR SONHOS DO PAPEL
NARCÓTICOS ANÓNIMOS
PAGAMENTO PONTUAL

MAIS LIDAS