LIGUE-SE A NÓS

O QUE PROCURA ?

INTERNACIONAL

FINLÂNDIA AVANÇA COM UMA ‘VEDAÇÃO’ NA FRONTEIRA COM A RÚSSIA

A primeira-ministra finlandesa afirmou hoje estar convencida de haver um “grande apoio” no Parlamento ao projeto de construir uma vedação na fronteira do país nórdico com a Rússia, tal como proposto pelos oficiais finlandeses da guarda fronteiriça.

blank

A primeira-ministra finlandesa afirmou hoje estar convencida de haver um “grande apoio” no Parlamento ao projeto de construir uma vedação na fronteira do país nórdico com a Rússia, tal como proposto pelos oficiais finlandeses da guarda fronteiriça.

“É uma questão de assegurar no futuro uma vigilância adequada da fronteira oriental da Finlândia”, disse a primeira-ministra Sanna Marin aos jornalistas antes de uma reunião com os grupos parlamentares sobre a questão da vedação da fronteira.

A Guarda de Fronteiras finlandesa tinha sugerido anteriormente a vedação de partes da fronteira de 1.340 quilómetros que a Finlândia partilha com a Rússia, a mais longa de todos os membros da União Europeia, para ajudar a prevenir uma possível migração ilegal e em grande escala, preocupação que cresceu em Helsínquia com a guerra da Rússia na Ucrânia.

Com base numa análise efetuada por funcionários fronteiriços, a vedação teria um comprimento total de até 260 quilómetros e cobriria áreas que foram identificadas como potenciais riscos de migração em larga escala a partir da Rússia.

As principais partes da vedação seriam erguidas no sudeste da Finlândia, onde se realiza a maior parte do tráfego fronteiriço de e para a Rússia, mas provavelmente será construída também uma parte da vedação no norte.

A construção da vedação levaria até quatro anos e prevê-se que custaria várias centenas de milhões de euros no total.

Os meios de comunicação finlandeses noticiaram que há apoio ao projeto por parte dos partidos do governo de coligação de centro-esquerda de Marin e da oposição

Brevemente, será decidida a rápida construção de uma secção de cerca de três quilómetros da vedação, mas a decisão de todo o projeto poderá ser adiada para o próximo governo, uma vez que a Finlândia realiza eleições gerais em abril de 2023.

Quer comentar ?

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

INTERNACIONAL

Os Estados Unidos vão aceder ao pedido de Kiev e enviar mísseis de longo alcance para a Ucrânia, que prepara uma ofensiva na primavera...

INTERNACIONAL

O comissário ucraniano dos direitos humanos acusou hoje os russos de raptar crianças da Ucrânia para alimentar os tráficos sexuais.

INTERNACIONAL

O primeiro-ministro ucraniano Denys Shmygal, disse hoje que a guerra na Ucrânia causou até agora entre 550 e 690 mil milhões de euros de...

INTERNACIONAL

A União Europeia (UE) decidiu hoje prolongar por mais seis meses, até 31 de julho de 2023, as sanções que visam setores específicos da...

RÁDIO REGIONAL

blank


DESPORTO DIRETO


LINHA CANCRO

RÁDIO REGIONAL


EMISSÃO NACIONAL



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER




EMISSÃO REGIONAL



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER




WEBRÁDIOS TEMÁTICAS



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER