Ligue-se a nós

DESPORTO

TRIBUNAL DÁ RAZÃO AO VARZIM E ABRE CAMINHO À DESPROMOÇÃO DO LEIXÕES

O Tribunal Central Administrativo é claro em ‘conceder provimento ao presente recurso jurisdicional‘ do Varzim que contesta a decisão da LPF Liga Portuguesa de Futebol e do TAD que consideravam válida a inscrição e cumprimento de todos os pressupostos por parte do Leixões. O TCA entende o contrário, e com esta decisão o processo de licenciamento do leixões vai voltar à estaca zero arriscando a despromoção das competições profissionais em consequência dos incumprimentos já anteriormente noticiados.

Online há

em

O Tribunal Central Administrativo é claro em ‘conceder provimento ao presente recurso jurisdicional‘ do Varzim que contesta a decisão da LPF Liga Portuguesa de Futebol e do TAD que consideravam válida a inscrição e cumprimento de todos os pressupostos por parte do Leixões. O TCA entende o contrário, e com esta decisão o processo de licenciamento do leixões vai voltar à estaca zero arriscando a despromoção das competições profissionais em consequência dos incumprimentos já anteriormente noticiados.

O Varzim contestou a aceitação do Leixões Sport Clube Futebol SAD nas competições profissionais por considerar que não estavam reunidos os pressupostos exigíveis nas provas profissionais da Liga Portugal.  Os poveiros consideravam que estava em causa “práticas antirregulamentares”, denunciando “alegadas práticas antirregulamentares praticadas pela Leixões Sport Club — Futebol SAD no que respeita ao processo de licenciamento para as competições profissionais e ainda questões graves, relativamente ao controlo salarial no decorrer do ano de 2022”, disse o Varzim, em comunicado.

Também em 20-06-2022 a Rádio Regional dava conta de um conjunto de alegados incumprimentos do Leixões perante trabalhadores (inclui atletas, técnicos e/ou treinadores).


Veja: LEIXÕES: ATLETAS DENUNCIAM DÍVIDAS QUE PODEM EXCLUIR O CLUBE DAS PROVAS PROFISSIONAIS


O Leixões contestou publicamente rebatendo todas as acusações, mas certo é que a Liga decidiu retirar um ponto ao emblema de Matosinhos tal como também a Rádio Regional noticiou em 03-08-2022.

Advertisement

Veja: LEIXÕES E ACADÉMICA COM MENOS UM PONTO DEVIDO A IRREGULARIDADES SALARIAIS


Apesar da Liga Portugal ter considerado que o Leixões cumpria todos os pressupostos, certo é que o Varzim avançou para a justiça requerendo a rejeição da candidatura (do leixões) e consequentemente o regresso do emblema poveiro à segunda liga.

A Rádio Regional teve acesso ao processo e confirma que em 4 de Agosto de 2022 Liga e TAD decidiram, liminarmente, aceitar o Leixões nas provas profissionais, sem mais nem quaisquer outras diligências.

No processo constam documentos que efetivamente comprometem seriamente as aspirações do Leixões, e que o Varzim considera terem sido inexplicavelmente ignorados pela Liga e pelo TAD. Efetivamente entre muitas aparentes irregularidades, o comprimento de obrigações salariais parece estar envolto em sérios indícios de incumprimento.

Segundo a documentação apresentada pelo Leixões, não existirá prova documental do cumprimento dos pressupostos financeiros exigíveis à inscrição nas provas profissionais, razão pelo qual o Varzim acredita que esta decisão irá levar à ‘justa’ despromoção dos matosinhenses das provas profissionais.

Advertisement

Na decisão da passada sexta-feira pode ler-se “não se pode afirmar que o TAD dispunha de todos os elementos necessários à decisão (…) nem que se estava em presença de situação de suficiência da matéria de facto, isto é, o mesmo não dispunha de todos os elementos de facto“, ou seja, a decisão que validou a inscrição do Leixões nas competições profissionais não estava suportada em todos os elementos que permitissem uma decisão “madura”, nas palavras do Tribunal Central Administrativo.

Em suma, a decisão do Tribunal vem agora exigir que Liga e TAD verifiquem, adequadamente, o cumprimento dos pressupostos financeiros, e consequente anulando decisão anterior que considerava tais pressupostos cumpridos. Liga e Leixões ambos foram ainda condenados em custas processuais.

Sabe a Rádio Regional que também a autarquia, ainda que não assumidamente, se distanciou de toda e qualquer ligação ao clube ao colocar toda a sua participação no Leixões Sport Clube em hasta pública pelo valor de 1.000 euros.


Veja: MATOSINHOS: AUTARQUIA VAI LEILORAR 0,33% DO LEIXÕES SPORT CLUBE


A Liga Portugal já tem conhecimento da decisão do tribunal e decidiu por enquanto não tomar posição.

Advertisement

O Leixões Futebol Clube não tomou posição a tempo útil desta notícia.


Vítor Fernandes

[email protected]

 

 

Advertisement
Advertisement
DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

DESPORTO

LIGA DOS CAMPEÕES: FC PORTO VENCE ARSENAL COM GOLO DE GALENO AOS 90+4

Um golo de Galeno, em tempo de compensação, deu hoje ao FC Porto a vitória por 1-0 sobre o Arsenal, na primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões de futebol, no Estádio do Dragão.

Online há

em

Um golo de Galeno, em tempo de compensação, deu hoje ao FC Porto a vitória por 1-0 sobre o Arsenal, na primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões de futebol, no Estádio do Dragão.

O tento do triunfo surgiu no derradeiro minuto dos ‘descontos’, aos 90+4, permitindo que os ‘dragões’, campeões europeus em 1987 e 2004, entrem em vantagem no encontro da segunda mão, agendado para 12 de março, em Londres.

O FC Porto procura superar os ‘oitavos’ da ‘Champions’ pela sexta vez, depois de 2003/04, 2008/09, 2014/15, 2018/19 e 2020/21.

LER MAIS

DESPORTO

BENFICA: SCHMIDT DESTACA “BOA FASE” DA EQUIPA MOTIVADA PARA OS “OITAVOS”

O treinador Roger Schmidt destacou hoje a boa fase que o Benfica atravessa, pelo que espera dar continuidade ao momento no encontro com os franceses do Toulouse, rumo aos oitavos de final da Liga Europa em futebol.

Online há

em

O treinador Roger Schmidt destacou hoje a boa fase que o Benfica atravessa, pelo que espera dar continuidade ao momento no encontro com os franceses do Toulouse, rumo aos oitavos de final da Liga Europa em futebol.

Na passada semana, no Estádio da Luz, dois penáltis concretizados pelo argentino Ángel Di María, aos 68 e 90+8 minutos, com um tento do dinamarquês Mikkel Desler pelo meio, aos 75, selaram o 2-1 a favor das ‘águias’, mas, na quinta-feira, em Toulouse, o desafio da segunda mão do play-off será “diferente”.

“Espero um jogo difícil, porque a segunda mão de um jogo a eliminar é sempre diferente e difícil. A abordagem será um pouco diferente, eles precisam de golos para continuar e têm de atacar um pouco mais. Acreditamos em nós, queremos jogar o nosso futebol ofensivo e mostrar durante os 90 minutos que merecemos continuar na competição”, perspetivou, em conferência de imprensa.

E acrescentou: “A equipa está muito motivada. Estamos a atravessar uma boa fase e estamos bem o suficiente para vencermos o jogo”.

Para ultrapassar, novamente, o 13.º classificado da Liga francesa, as ‘águias’ vão ter de “jogar sempre com intensidade e transições”, de forma a “colocar o jogo longe” da sua área, segundo Schmidt.

Advertisement

A mãe do médio João Neves faleceu recentemente, com o treinador a mostrar-se solidário, embora sem garantir a titularidade do internacional luso em Toulouse.

“Muito chocado e triste. Estamos todos compreensivos sobre a decisão dele de treinar e jogar, porque era o que queria. A vida continua, estamos com ele e vamos falar antes de tomar a decisão sobre se joga ou não”, terminou.

O guarda-redes Trubin falou aos jornalistas antes do técnico germânico, para vincar que o objetivo dos ‘encarnados’ passa pela qualificação para os oitavos de final da competição.

“Todas as competições são muito importantes para o Benfica. O foco é vencer o Toulouse e avançar para a próxima fase. Espero que não seja necessário irmos a penáltis para ultrapassarmos a eliminatória”, expressou.

O Toulouse recebe o Benfica na quinta-feira, em jogo da segunda mão do play-off de acesso aos oitavos de final da Liga Europa, com início às 17:45 (hora de Lisboa), que será arbitrado pelo italiano Maurizio Marinai.

Advertisement
LER MAIS

MAIS LIDAS