Ligue-se a nós

DESPORTO

UEFA: QUALIFICAÇÃO PARA EUROPEUS E MUNDIAIS VAI TER NOVAS REGRAS

Os novos formatos para as competições de seleções masculinas, que vão entrar em vigor em setembro de 2024, foram hoje aprovados, anunciou a UEFA, depois da reunião do Comité Executivo do organismo, em Nyon, na Suíça.

Online há

em

Os novos formatos para as competições de seleções masculinas, que vão entrar em vigor em setembro de 2024, foram hoje aprovados, anunciou a UEFA, depois da reunião do Comité Executivo do organismo, em Nyon, na Suíça.

O objetivo das alterações na Liga das Nações e nas qualificações para os campeonatos europeus e mundiais é “oferecer competições mais atraentes e emocionantes dentro das datas existentes, bem como fortalecer os recursos das federações nacionais e garantir uma recuperação estável do impacto da pandemia”, lê-se no sítio de internet da UEFA.

A Liga das Nações será expandida com uma nova fase a eliminar a ser disputada em março, criando assim continuidade entre a fase de grupos, que termina em novembro, e a fase final disputada em junho.

Os vencedores e segundos classificados dos grupos da Liga A participarão nos quartos de final, com jogos em casa e fora, sendo que os vencedores dessas eliminatórias apuram-se para a ‘Final Four’ (Fase Final).

O terceiro classificado da Liga A e o segundo da Liga B, bem como o terceiro classificado da Liga B e o segundo da Liga C disputam um ‘play-off’ de promoção/despromoção em casa e fora.

Segundo a UEFA, a expansão desta prova para a janela do calendário internacional de jogos de março vai abranger apenas um determinado número seleções e as restantes já estarão disponíveis para iniciar a qualificação europeia.

Já o novo formato da qualificação europeia para os Europeus ou para os Mundiais da FIFA será mais consolidado, com as equipas a serem sorteadas em 12 grupos de quatro e cinco equipas, “revitalizando assim a competição e tornando-a menos previsível e mais dinâmica”, assinalou a UEFA.

Com os tradicionais jogos em casa e fora e os princípios de ‘todos jogam contra todos’ mantidos, este formato simples “oferecerá grupos mais competitivos em todos os níveis”, acrescentou.

As equipas sorteadas em grupos de cinco começam os jogos de qualificação em março ou junho, se ainda estiverem a competir nos quartos de final da Liga das Nações ou em jogos de promoção/despromoção da mesma prova.

As equipas sorteadas em grupos de quatro começam as respetivas campanhas em setembro.

“Os vencedores dos grupos da Qualificação Europeia qualificar-se-ão diretamente para o Europeu ou para o Campeonato do Mundo da FIFA, enquanto os segundos classificados qualificar-se-ão diretamente ou participarão no ‘play-off’ (juntamente com as equipas da Liga das Nações para a qualificação para o Europeu)”, refere.

Nenhuma mudança foi proposta para a fase final do Europeu, que ainda contará com 24 seleções.

Segundo a entidade liderada por Aleksander Ceferin, estas mudanças, que vão ser implementadas após o Euro2024, resultam em “jogos mais atrativos sem qualquer aumento no número total de jogos”.

“A introdução da Liga das Nações da UEFA foi um sucesso, substituindo jogos amigáveis por encontros mais competitivos. Agora, com a introdução da nova fase eliminatória, as equipas terão ainda mais oportunidades de evoluir, mantendo o mesmo número de jogos dentro do Calendário Internacional de Jogos”, vincou o presidente da UEFA.

De acordo com o dirigente, “a previsibilidade da qualificação europeia também foi abordada e tratada, com um novo formato que oferecerá a todas as equipas uma hipótese igual de se apurar para os principais torneios. O novo formato promete trazer mais emoção às competições de seleções de futebol da Europa, que continuam a crescer cada vez mais”.

Na reunião de hoje, o Comité Executivo também decidiu nomear a Federação Eslovaca de Futebol (SFZ) para acolher a fase final do Campeonato da Europa de Sub-21 de 2025, com 16 equipas. Os jogos serão disputados em oito locais, em oito cidades diferentes em todo o país, no verão de 2025.

Paralelamente, seguindo a evolução da pandemia de covid-19 e os atuais desenvolvimentos gerais em toda a Europa, incluindo a eliminação de medidas anteriores em vigor na maioria das competições nacionais, o Comité Executivo da UEFA decidiu descontinuar a aplicação do Protocolo da UEFA ‘Return to Play’.

“Em linha com a abolição do Protocolo, foi ainda decidido não continuar a introduzir os Anexos relevantes relacionados com regras especiais aplicáveis devido à covid-19, que foram incluídos nos regulamentos de competições da UEFA, uma vez que essas regras estavam ligadas à aplicação do protocolo”, sublinhou a UEFA.

Ainda assim, o organismo garantiu que vai continuar “a acompanhar de perto a evolução da pandemia e, em caso de alteração significativa das circunstâncias, proporá as medidas adequadas para garantir a segurança de todos os interessados e o bom desenrolar das suas competições, incluindo, se necessário, voltar a implementar quaisquer obrigações relevantes e medidas sanitárias”.

Foram ainda aprovados regulamentos do Campeonato da Europa de sub-21 2023-25 e os regulamentos do Campeonato da Europa feminino de 2023-25.

A próxima reunião do Comité Executivo da UEFA está agendada para 04 de abril de 2023, um dia antes do 47.º Congresso Ordinário da UEFA, em Lisboa.

Publicidade

HELPO, EU CONSIGNO EU CONSIGO, IRS 2024
ASSOCIAÇÃO SALVADOR, HÁ 20 ANOS A TIRAR SONHOS DO PAPEL

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

DESPORTO

SUPERTAÇA: PORTO E SPORTING REENCONTRAM-SE DIA 03 DE AGOSTO EM AVEIRO

A Supertaça Cândido de Oliveira, entre o campeão Sporting e o FC Porto, vencedor da Taça de Portugal, vai disputar-se em 03 de agosto, novamente em Aveiro, anunciou hoje a Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

Online há

em

A Supertaça Cândido de Oliveira, entre o campeão Sporting e o FC Porto, vencedor da Taça de Portugal, vai disputar-se em 03 de agosto, novamente em Aveiro, anunciou hoje a Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

A partir das 20:15, o Estádio Municipal de Aveiro volta a ser palco da discussão do primeiro troféu da época, o que acontecerá pela quinta vez consecutiva.

O Sporting procura o 10.º troféu, na 12.ª participação, enquanto o FC Porto tentará a sua 24.ª conquista, à 34.ª presença.
PUBLICIDADE

Esta é a primeira vez que ‘leões’ e ‘dragões’ se vão defrontar em Aveiro, sendo que não se encontram na Supertaça desde 2008: este vai ser o 250.º embate da história do futebol português entre dois dos seus maiores símbolos.

Nos anteriores quatro confrontos entre ambos, o Sporting superiorizou-se sempre, num terceiro jogo nas edições de 1994/95 e 1999/2000 e num embate único em 2006/07 e 2007/08, respetivamente em Leiria e Algarve, respetivamente.

O FC Porto é a equipa com mais troféus (23), seguido de Sporting e Benfica, ambos com nove, enquanto o Boavista tem três êxitos e o Vitória de Guimarães um.

LER MAIS

DESPORTO

FC PORTO: EQUIPA DE GESTÃO DE ANDRÉ VILLAS-BOAS TOMARAM POSSE NA SAD

O novo presidente do FC Porto, André Villas-Boas, sucedeu hoje a Pinto da Costa na liderança da SAD, responsável pela administração do futebol profissional do terceiro colocado da edição 2023/24 da I Liga, comunicaram os ‘dragões’.

Online há

em

O novo presidente do FC Porto, André Villas-Boas, sucedeu hoje a Pinto da Costa na liderança da SAD, responsável pela administração do futebol profissional do terceiro colocado da edição 2023/24 da I Liga, comunicaram os ‘dragões’.

Numa Assembleia Geral realizada ao final da manhã no Estádio do Dragão, no Porto, 18 acionistas aprovaram por unanimidade os nomes propostos para a cúpula da sociedade pelo ex-treinador, investido há exatamente três semanas como 34.º presidente do clube.

André Villas-Boas, de 46 anos, é acompanhado por José Pereira da Costa, responsável pelo pelouro financeiro, na comissão executiva do conselho de administração da SAD do FC Porto, que junta cinco elementos, ao contrário dos nove na gestão de Pinto da Costa.

Carlos Gomes da Silva, antigo administrador da petrolífera Galp, foi nomeado como vice-presidente, num elenco completado por Maria do Rosário Moreira, docente na Faculdade de Economia da Universidade do Porto, e Ana Teresa Lehmann, secretária de Estado da Indústria do XXI Governo, então chefiado pelo socialista António Costa, de 2017 a 2018.

Já as presidências da Mesa da Assembleia Geral e do Conselho Fiscal ficam a cargo de António Tavares e Angelino Ferreira, antigo administrador financeiro da FC Porto SAD, respetivamente, replicando as funções desempenhadas em órgãos homólogos do clube.

A Comissão de Vencimentos vai ser presidida por Óscar Afonso, diretor da Faculdade de Economia do Porto, enquanto a Ernst & Young Audit prossegue como revisora oficial de contas da sociedade, cujos titulares de quatro órgãos foram aprovados por unanimidade.

A exceção aconteceu na ratificação por maioria, com uma abstenção, do novo Conselho Consultivo, que junta diversos ‘notáveis’ nas 15 vagas efetivas e é liderado por Fernando Freire de Sousa, que já era o primeiro nome indicado para o Conselho Superior do clube.

A nova composição da sociedade foi empossada rumo ao quadriénio 2024-2027, um mês depois de André Villas-Boas ter sido eleito presidente dos ‘dragões’, ao derrotar Pinto da Costa, líder há 42 anos e 15 mandatos, no sufrágio mais participado da história do clube.

Desde então, o ex-treinador foi apelando à rápida renúncia da administração cessante da SAD, mas todos os órgãos sociais prosseguiram em funções até ao fim da temporada da equipa de futebol, que arrebatou no domingo a Taça de Portugal pela 20.ª vez, e terceira consecutiva, ao vencer o recém-campeão Sporting (2-1, após prolongamento), no Jamor.

À imagem de outros jogos realizados depois das eleições, os dois dirigentes sentaram-se quase lado a lado na tribuna presidencial do Estádio Nacional, em Oeiras, e deram um abraço após o final da partida, levantando juntos o único troféu do FC Porto em 2023/24.

Se André Villas-Boas alcançou o primeiro troféu no futebol desde a sua tomada de posse presidencial, Pinto da Costa, de 86 anos, comemorou o 45.º e último em 27 temporadas como líder da SAD, fundada em 30 de julho de 1997, da mesma forma como chegou aos 69 cetros – sete dos quais internacionais – desde a primeira eleição no clube, em abril de 1982, tendo consolidado o estatuto de dirigente mais antigo e titulado do futebol mundial.

LER MAIS
Subscrever Canal WhatsApp
RÁDIO ONLINE
ASSOCIAÇÃO SALVADOR, HÁ 20 ANOS A TIRAR SONHOS DO PAPEL
LINHA CANCRO

DESPORTO DIRETO

RÁDIO REGIONAL NACIONAL: SD | HD



RÁDIO REGIONAL VILA REAL


RÁDIO REGIONAL CHAVES


RÁDIO REGIONAL BRAGANÇA


RÁDIO REGIONAL MIRANDELA


MUSICBOX

WEBRADIO 100% PORTUGAL


WEBRADIO 100% POPULAR


WEBRADIO 100% LOVE SONGS


WEBRADIO 100% BRASIL


WEBRADIO 100% OLDIES


WEBRADIO 100% ROCK


WEBRADIO 100% DANCE


WEBRADIO 100% INSPIRATION

KEYWORDS

ASSOCIAÇÃO SALVADOR, HÁ 20 ANOS A TIRAR SONHOS DO PAPEL
NARCÓTICOS ANÓNIMOS
PAGAMENTO PONTUAL

MAIS LIDAS