LIGUE-SE A NÓS

O QUE PROCURA ?

DESPORTO

BENFICA PERDE EM CASA COM O GIL VICENTE E FICA MAIS LONGE DO LÍDER SPORTING (VÍDEO)

O Benfica perdeu hoje por 2-1 na receção ao Gil Vicente, na 27.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, terminando uma série de seis vitórias seguidas na prova e distanciando-se ainda mais do líder Sporting.

blank

O Benfica perdeu hoje por 2-1 na receção ao Gil Vicente, na 27.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, terminando uma série de seis vitórias seguidas na prova e distanciando-se ainda mais do líder Sporting.

Os visitantes chegaram a dispor de uma vantagem de dois golos, marcados por Léautey, aos 35 minutos, e Lourency, aos 81, de pouco valendo aos anfitriões – que não perdiam no campeonato há 10 jogos – o autogolo de Vítor Carvalho, aos 87, que fixou o resultado final.

O Benfica manteve-se com 57 pontos, menos três do que o FC Porto, segundo colocado, que apenas joga no domingo, no estádio do Nacional, e menos 12 relativamente ao líder Sporting, enquanto o Gil Vicente passou a somar 31.

O Gil Vicente adiantou-se no marcador ao minuto 35, após boa jogada individual de Leautey, finalizada com um remate colocado. Já na segunda parte, Lourency, aos 81, dobrou a vantagem da equipa de Barcelos e o 2-1 final foi da autoria de Vítor Carvalho, que marcou na própria baliza, os 87.

Com este desaire, o Benfica vê chegar ao fim um ciclo de seis vitórias consecutivas na I Liga e pode atrasar-se na luta pelo segundo lugar, ficando ainda mais longe do líder Sporting, que passou a dispor de 12 pontos de vantagem.

Os ‘encarnados’, que mantêm os 57 pontos com que entraram esta tarde na Luz, podem ver fugir o FC Porto, que, com 60 pontos, joga no domingo, na Madeira, frente ao Nacional, e ser apanhados pelo Sporting de Braga, que, com 54 pontos, visita ainda este sábado o Rio Ave.

Já o Gil Vicente regressa às vitórias no campeonato, depois do desaire da última ronda, frente ao Moreirense, e soma agora 31 pontos.

Sem mexer no ‘onze’ que goleou na última jornada, em Paços de Ferreira, por 5-0, o Benfica, orientado por Jorge Jesus, entrou na Luz a controlar as operações, mas com pouca acutilância na hora de atacar a baliza defendida por Denis, com Seferovic muito bem controlado pelos centrais gilistas.

À passagem do minuto 15, o Gil Vicente deixou um primeiro aviso, num contra-ataque ‘oferecido’ por um mau passe de Adel Taarabt, e, aos 35, materializou mesmo a ameaça e fez ‘mexer’ o marcador.

Numa jogada individual, o extremo francês Leautey arrancou para área benfiquista, ‘dançou’ frente a Vertonghen e colocou a bola entre o poste e Helton Leite, com o brasileiro a voar tarde e a ser batido.

Sem conseguir responder, o Benfica demonstrou grandes dificuldades em ligar o jogo entre defesa e o ataque e o melhor que conseguiu foi um cabeceamento de Waldschmidt, com a bola a perder-se pela linha de fundo, num exemplo contundente do desacerto das ‘águias’ na primeira parte.

O Benfica reentrou para a segunda parte sem Lucas Veríssimo na defesa e com Everton no ataque, e o Gil aproveitou as mudanças para criar a primeira oportunidade após o reatamento, com Lourency a chegar ligeiramente atrasado ao cruzamento milimétrico de Joel e a já só apanhar a bola de raspão.

Depois foi a vez de Seferovic desperdiçar o golo, por duas vezes: o suíço, melhor marcador do Benfica na liga, com 16 golos, protagonizou a melhor oportunidade do Benfica, num remate que ‘tirou tinta’ do poste de Denis e, pouco depois, num remate acrobático, enviou a bola por cima da baliza gilista.

Em tarde completamente desinspirada, em contraponto com a exibição da última jornada, o avançado helvético voltou a deixar Jorge Jesus desesperado com novo falhanço: Rafa ludibriou Talocha no flanco direito, cruzou para o coração da área, Darwin deixou passar para Seferovic, mas o suíço não acertou convenientemente na bola e esta passou ao lado do poste.

O Benfica não marcou e foram os visitantes que o conseguiram, por Lourency, ao minuto 81. Numa brecha aberta na defesa do Benfica, com Otamendi a falhar a marcação, o brasileiro do Gil Vicente arrancou que nem uma flecha para a baliza de Helton Leite e, já dentro da grande área, disparou forte e a meia altura, fazendo o 2-0.

O melhor que o Benfica conseguiu foi reduzir para 2-1, embora tenha sido, mais uma vez, o Gil Vicente a marcar, num autogolo de Vítor Carvalho, os 87 minutos.

Desde a defesa, Vertonghen, com um passe em profundidade, isolou Rafa, o extremo ‘disparou’ para defesa de Denis, mas a bola acabou por embater no médio gilista e encaminhar-se para o fundo da baliza.

Quer comentar ?

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

DESPORTO

No Estádio Municipal Dr. Magalhães Pessoa, em Leiria, os golos do canadiano Stephen Eustáquio (10 minutos) e do espanhol Iván Marcano (86) sentenciaram a...

DESPORTO

O FC Porto conquistou hoje pela primeira vez a Taça da Liga de futebol, depois de bater o Sporting por 2-0 na final da...

DESPORTO

O Benfica venceu hoje na vista ao Paços de Ferreira por 2-0, em jogo antecipado da 20.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol,...

DESPORTO

O árbitro João Pinheiro vai dirigir pela sétima vez um jogo entre Sporting e FC Porto, no sábado, na final da Taça da Liga,...

RÁDIO REGIONAL

blank


DESPORTO DIRETO


LINHA CANCRO

RÁDIO REGIONAL


EMISSÃO NACIONAL



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER




EMISSÃO REGIONAL



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER




WEBRÁDIOS TEMÁTICAS



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER



ABRIR PLAYER